Conheça os países da Europa que mais contratam brasileiros

paises que contratam brasileiros

Alguns países europeus têm regras mais flexíveis na hora de contratar estrangeiros. Além disso, costumam oferecer salários “gordos” para trabalhadores de fora, inclusive para brasileiros.

Se você está em busca de um emprego no exterior, confira a lista abaixo. Nela, o Brasileuro reuniu os países que mais contratam brasileiros.

A relação original foi publicada pela Abracomex (Associação Brasileira de Consultoria e Assessoria em Comércio Exterior).

Suécia

A Suécia é um dos países que mais incentiva a entrada de imigrantes. De acordo com o governo do país, até 2025 serão feitas 124 mil contratações de estrangeiros.

O país abre as portas para trabalhadores de fora por causa do perfil populacional do país. Os índices de natalidade por lá são baixo. Além disso, a população está envelhecendo. Por consequência, a mão de obra local está escassa.

O salário mínimo médio no país fica na faixa de 24.100 coroas suecas. Em reais, isso dá aproximadamente R$ 10 mil.

Suíça

Assim como a Suécia, outra ótima opção para aqueles que visam o mercado de trabalho no exterior é a Suíça. As cidades do país oferecem excelente qualidade de vida aos seus morados.

No entanto, o alto custo de vida e dificuldade de comunicação – bem como o clima frio – podem ser obstáculos para a adaptação de estrangeiros.

Adotado no ano de 2020, o salário mínimo no país passou a ser de 4.086 francos suíço. Em reais, o valor equivale a R$ 25 mil por mês. Vale ressaltar, no entanto, que a média do salário mínimo no país é calculado por hora trabalhada.

Alemanha

Conforme os dois países anteriores, o governo alemão também incentiva a entrada de estrangeiros. No entanto, a nação prioriza profissionais qualificados para preencherem as vagas de trabalho.

Dessa forma, os brasileiros formados nas áreas de TI e engenharia, por exemplo, têm mais chances de conquistar uma vaga.

O país também é muito elogiado por causa da ótima qualidade do sistema de educação. Aliás, os próprios imigrantes que residem lá afirmam que a qualidade de vida é superior a muitos outros países.

O salário mínimo por lá é de 1,5 mil euros no mês. O valor, em reais, dá cerca de R$ 10 mil mensais.

Leia também: os melhores sites para encontrar emprego na Europa

Portugal

Portugal é dos países mais procurados por brasileiros por causa da língua. O idioma facilita o processo de adaptação dos imigrantes, bem como a comunicação.

Para superar problemas e carências do mercado de trabalho, o governo do país vem tomando algumas medidas favoráveis à imigração.

Assim, uma das iniciativas, realizada em 2017, foi a implantação da Lei de Estrangeiros de Portugal. Essa legislação eliminou processos burocráticos da imigração.

O país, portanto, oferece meios mais simples e práticos para aqueles que desejam viver em Portugal.

Em 2019, o salário médio chegou na casa dos 1.276 euros, aproximadamente R$ 8 mil por mês. O salário minimo, no entanto, é de 700 euros.

Noruega  

                       

Classificada em primeiro lugar no Índice de Desenvolvimento Humano durante muitos anos, a Noruega possui alto nível de qualidade de vida.

O país é, também, referência quando o assunto é a área tecnológica, ou a indústria marítima e de frutos do mar.

De acordo com dados do ano de 2019, o salário médio no país é de 3 mil dólares, o que equivale R$ 16 mil por mês.

Irlanda

A Irlanda ocupa a última posição da lista de países que mais contratam estrangeiros. O país, destino de muitos estudantes brasileiros, oferece grande hospitalidade aos imigrantes.

A Ilha Esmeralda tem vagas para todos os níveis. Empresas de lá disponibilizam empregos para universitários e para imigrantes não qualificados.

Um dos requisitos principais no currículo irlandês é a fluência na língua inglesa. Veja aqui cinco aplicativos que podem ter ajudar a ficar craque na língua.

O salário mínimo por lá é de 1,6 mil – cerca de R$ 10,5 mil.

No país, porém, estudantes brasileiros costumam ganhar 9,80 euros por hora – quase R$ 60. Vale lembrar ainda que a carga horária na nação é de 20 horas semanais, conforme estipula a legislação irlandesa.

Leia também: Currículo europeu, saiba como montar o seu!

Quer receber mais conteúdo como esse?

Cadastre-se em nossa newsletter. Prometemos não enviar nenhum tipo de spam.

Se gostou deste conteúdo, compartilhe:

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp

Sobre o Autor

Thiago Vergara

Thiago Vergara

20 anos. Nascido em Araraquara, interior de São Paulo. Atualmente graduando em Letras/Inglês pela UNESP - Universidade Estadual Paulista.

Comentários

2 comentários em “Conheça os países da Europa que mais contratam brasileiros”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *